Reveillon terá shows com Vanderson Lopes e Tom Fernandes

Qui, 28 de Dezembro de 2017 14:54
Imprimir

Em Varginha Reveillon este ano terá shows com Vanderson Lopes e Tom Fernandes

rev

 

Este ano a passagem do ano na Praça da Mina do Campos Elíseos acontecerá ao som de Vanderson Lopes e Tom Fernandes, que prometem uma noite inesquecível para a população de  Varginha e visitantes. A festa vai começar às 21h, com show de abertura do Dj Rodrigo. Às 22h Vanderson Lopes assumirá o palco com um repertório bastante variado, comandando a contagem regressiva para a chegada de 2018, com o show pirotécnico que iluminará o céu de Varginha até as 00h15, quando entrará no palco a atração principal, Tom Fernandes.

 

Dj Rodrigo

Natural de São Paulo, residindo em Varginha há dois anos, Dj Rodrigo promete uma noite eletrizante, animando a galera com Sertanejo, Axé, MPB, música eletrônica e muito mais.

 

Vanderson Lopes

Violonista, cantor, arranjador e compositor varginhense, bastante conhecido pelo constante trabalho realizado nos principais eventos e festivais da região, Vanderson começou na música muito cedo e sempre demonstrou talento e facilidade para domínio vocal e instrumental. Já participou de diversos grupos vocais, bandas e grupos instrumentais. Para o Réveillon  Vanderson promete um selecionado repertório de MPB e muito samba.

Na formação da banda Vanderson Lopes no violão e voz, acompanhado dos experientes músicos Deive Oliveira na guitarra, Mayke Henrique no teclado, cavaco e flauta, Wagner Isidoro (Wagnão) no baixo, e Wagner Santos na bateria.

 

Tom Fernandes

Natural  de Varginha além de cantar Tom Fernandes  também é compositor, tendo mais de 60 músicas de sua autoria. Desde pequeno, sempre demonstrou intenso interesse pela música; já aos 4 anos de idade atuava como cantor para os familiares com uma violinha de brinquedo, presente dado por sua avó.

Daí em diante, o interesse pela música cresceu ainda mais, e seu principal desejo era aprender a tocar violão, para tocar na Igreja. Aos 7 anos, não tendo mais condições de tocar na violinha de brinquedo, ganhou de presente de natal de sua mãe um violão e logo conseguiu uma professora que o ensinou a fazer seus primeiros acordes. 

Mais à frente, aos 15 anos, tocava e cantava com os amigos em igrejas, festas de família e em colégios. No início de 2009 incentivado por seu pai, resolveu iniciar sua carreira como cantor profissional. O Sucesso só cresceu e a procura por shows aumentou, fazendo acreditar cada vez mais que estava no caminho certo.

Já em 2010 Tom foi convidado a participar do CD 100% Sertanejo do SBT (Sistema Brasileiro de Televisão) com a música Momento Mágico. O CD contou também com a participação de vários artistas como João Neto e Frederico, Michel Teló, Marcos e Bellutti entre outros.

Em 2011 lançou seu primeiro CD Momento Mágico, que contou com a participação de Orlando Baron, conceituado produtor musical.

Tom traz em sua bagagem várias participações com cantores renomados no mercado musical como: Jorge e Mateus, Gusttavo Lima, Trio Parada Dura, Munhoz e Mariano, João Bosco e Vinícius, Zezé di Camargo e Luciano, Humberto e Ronaldo, Lucas Lucco, Luan Santana e outros.

Em 2013 lançou seu segundo CD  Tom Fernandes – Pra você, o álbum contou com 4 músicas autorais e outras 6 regravações. Tom participou de vários programas de TV e rádio apresentando seu novo CD, destacamos a participação no programa Amigos do Teodoro e Sampaio na TV Band, Mais Alterosa do SBT e em várias rádios brasileiras.

O último trabalho do cantor foi lançado em Setembro de 2015, o CD Tom Fernandes – Entre nessa vibe, com 10 músicas autorais e 2 regravações. O trabalho conta com a produção de Ailton Alves e foi produzido no próprio estúdio do Artista – Gravamix.

Por onde passa Tom vem conquistando mais e mais fãs, pelo grande carinho e atenção que tem com todos, e por sua voz e performance no palco, já tem vários fã clubes espalhados pelo Brasil.

Tudo isso só poderia resultar em um grande espetáculo, garantindo para seu público o Melhor Show, com muita alegria e energia do começo ao fim.